Com o início do mês, cotação da arroba do Boi gordo registra novas altas em SP

Publicado em 01/06/2020 17:01 678 exibições

LOGO nalogo

A semana iniciou com novas altas para os preços do boi gordo no estado de São Paulo, na qual ocorreram negócios efetivados em R$ 207,00/@ para o animal que atende o padrão exportação na região de Sandovalina/SP. Conforme divulgado pela a Agrobrazil, a negociação foi a prazo com sete dias para pagar e com data para o abate em 10 de junho.

Na região de Teodoro Sampaio/SP, o valor negociado para a arroba do boi china foi de R$ 207,00, à vista e com data para o abate programado em 10 de junho. Em Araçatuba/SP, o valor do boi China foi negociado em R$ 200,00/@, à prazo com trinta dias para pagar  e com data para o abate em 04 de junho.

Para o mercado interno, ocorreu negócios para o animal comum ao redor de R$ 202,00/@, à prazo com trinta dias no município de Iacanga/SP. “Estamos no início de mês, porém já começamos o mês de junho que com safra com menor entrada de animais. Do lado do mercado interno, não sabemos o que esperar do consumo nas próximas semanas, pois é uma incógnita”, destacou o Analista de Mercado da Cross Investimentos, Caio Junqueira, em entrevista ao Notícias Agrícolas.

Segundo a consultoria Agrifatto, o desempenho no atacado paulista o final da última semana trouxe bons frutos. “As vendas foram boas e a carcaça casada bovina voltou aos R$ 12,90/kg com algumas negociações com R$ 0,20 acima”, comentou.

De acordo com as informações da Informa Economics FNP, a perda de qualidade da pastagem não influenciou no aumento da oferta de boiada gorda no mercado, que segue  baixa e que tem dado suporte para cotações firmes da arroba. “A aproximação do inverno deve aumentar a liquidação de animais o que, no entanto, não deve colocar grande pressão nos preços do gado, já que não existe uma quantidade de rebanho pronto capaz de gerar um excedente de oferta no país”, relatou em seu acompanhamento de mercado.

Em seu boletim matinal, a Radar Investimentos apontou que o mercado segue atento as notícias sobre a suspensão das compras chinesa de alguns produtos agrícolas dos EUA, tais como soja e carne suína.

Mercado futuro

Nesta segunda-feira (01), os indicadores futuros para o boi gordo finalizaram a sessão em campo misto na Bolsa Brasileira (B3). O contrato Junho/20 terminou o dia com uma alta de 1,25% e está cotado a R$ 201,80/@.

O julho/20 está precificado a R$ 202,80/@ e teve uma valorização de 1,27%. Já o Agosto/20 encerrou o dia com uma queda de 0,49% e foi negociado a R$ 202,50/@ e o contrato Outubro/20 teve um ganho de 0,25% e está cotado a R$ 202,50/@.

onfira a entrevista na completa:

>> Boi: escalas de abate recuam e dão fortes indicações que a oferta de animais será menor neste final de safra

Leia mais:

>> Exportação total de carne bovina em maio avança 33% frente ao mês anterior

Confira como ficaram as cotações para o Boi Gordo nesta segunda-feira:

>> BOI

Tags:
Por:
Andressa Simão
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário