Estiagem prejudica produção agrícola na região Central

Publicado em 20/09/2010 08:08
399 exibições
Próxima safra também poderá ser comprometida caso continue sem chover Parte da produção agrícola já foi prejudicada com a longa estiagem na região Central e, caso não chova, a próxima safra também pode ser comprometida.

Os produtores de laranja enfrentaram o excesso de chuva no ano passado e agora sofrem com a falta dela. Por isso, a Associação Brasileira de Citricultores espera uma safra menor, com uma queda e 40% na produção.

Nos 26 hectares de uma plantação em Aguaí, a laranja sente a falta de chuva. Muitas estão pequenas, murchas e queimadas pelo sol.

O prejuízo pode ser ainda maior no momento da venda. “Não tem condições de colocar essa laranja no mercado. Está totalmente murcha. A indústria não aceita porque ela precisa do suco”, explicou o produtor rural Claudomiro Rodrigues Gazatto.

A cana-de-açúcar também sente os efeitos da seca, pois está em fase de crescimento e não deve atingir o ponto de corte ideal. “Nós tínhamos uma expectativa de colheita de quase R$ 596 milhões de toneladas e, na revisão feita nos últimos dias, aponta para 570 milhões de toneladas. Mesmo assim, nós teremos mais produto do que no ano passado”, disse o representante da União da Indústria Canavieira (Unica).

A falta de chuva também prejudicou um pomar com 10 mil pés de manga, pois a terra está seca e a planta desidratada. “A manga começa a amarelar e para o desenvolvimento no meio do caminho. Acredito em uma queda de 30% a 40% de produção e um prejuízo de R$ 150 mil”, lamentou o produtor rural Marcos Breda.

De acordo com o técnico agrícola Raimundo Carvalho, se a estiagem continuar a próxima também ficará comprometida. “Vai haver um atraso na florada”.
Tags:
Fonte: EPTV

0 comentário