Custo de produção de frango de corte fica 4,29% mais caro em março, aponta Embrapa

Publicado em 07/05/2012 15:07 719 exibições
O índice da Embrapa que mede a variação no custo de produção do frango de corte, chegou a 142,01, alta de 4,29% na comparação com fevereiro. Segundo o pesquisador da Embrapa Suínos e Aves de Concórdia (SC), Jonas Irineu dos Santos Filho, o resultado "reflete a política de preços dos insumos utilizados nos sistemas de produção de frangos de corte, ao qual, o grupo de insumos nutrição, sofreu uma elevação transitória em março de 2012, devido principalmente à quebra de safra de grãos verificada na região sul do Brasil."

No ano, o ICPFrango/Embrapa acumula uma alta de 9,68%, influenciado pelo aumento nos preços do milho e do farelo de soja, componentes básicos das rações.

Suínos

O custo de produção de suínos medido pela Embrapa teve uma redução de 0,93% em março. O ICPSuíno/Embrapa foi de 142,03, contra 143,37 de fevereiro.

— Pode-se considerar que este resultado reflete o desempenho da colheita de grãos no mercado interno agrícola e, apesar dos altos preços dos insumos praticados no início do ano, a tendência para os próximos dois meses é de uma tímida desaceleração nos preços do milho e também do farelo de soja — diz o pesquisador.

Também houve uma queda verificada para o grupo de insumos manutenção, financeiro e Funrural, em função das baixas nos preços de mercado dos suínos vivos e prontos para o abate, sobre o qual incide a taxa de 2,3% relativa ao Funrural. No ano, o ICPSuíno acumula 1,39%, e chega a 4,03% nos últimos 12 meses.
Tags:
Fonte:
Embrapa

0 comentário