Suíno Vivo: São Paulo e Rio Grande do Sul fecham o dia com queda nos preços

Publicado em 18/11/2014 16:30 e atualizado em 18/11/2014 17:12 25 exibições

Nesta terça-feira (18), os preços praticados em São Paulo e Rio Grande do Sul tiveram reajuste negativo, após as últimas altas registradas em outubro. O movimento era esperado, visto que os preços praticados para o suíno vivo, que estavam subindo gradativamente, começaram a ser repassados pelos frigoríficos aos consumidores,trazendo uma redução no consumo, segundo explica o presidente da Associação Catarinense de Criadores de Suínos (ACCS), Losivânio de Lorenzi.

» Confira a entrevista na íntegra com o presidente da ACCS sobre o mercado de suínos

Com isso, a Bolsa de Suínos de São Paulo anunciou uma nova referência para a semana, após três semanas de estabilidade em cotação recorde, de R$ 102/@. Nesta semana, os preços passam a ser praticado na casa dos R$ 96/@, equivalente a R$ 5,12/kg. Já foram anunciados vendas realizadas na nova referência, em que Marian Wolters de Itararé (SP) fechou a negociação de 250 suínos em R$ 96,50/@ ou R$ 5,15/kg.

Já no Rio Grande do Sul, a queda foi de 8,25% e atingiu os R$ 4,45/kg. No último fechamento, as negociações estavam sendo realizadas em R$ 4,85 pelo quilo do suíno vivo.

Uma boa notícia para os suinocultores é a queda no índice de custos de produção realizado pela Embrapa Suínos e Aves. Segundo a entidade, outubro registrou um decréscimo de 1,33% em relação ao mês anterior e 3,33% no acumulado do ano. O principal fator na queda dos custos, se deve a alimentação, em que o milho e o farelo de soja teve queda em Santa Catarina, região onde é feito o levantamento.

» Confira a entrevista na íntegra com o analista da Embrapa Suínos e Aves sobre custos de produção

Confira como ficaram os preços praticados nas principais praças nesta terça-feira (18): 

Estado Preço Máximo (R$/kg vivo) Variação (%)
Ver histórico Fechamento: 18/11/2014            
Santa Catarina 4,80 0,00
Paraná 4,89 0,00
Rio Grande do Sul 4,45 -8,25
São Paulo 5,12 -5,88
Mato Grosso 4,20 0,00
Goias 5,15 0,00
Minas Gerais 5,15 0,00
BRF/SC* 3,50 0,00
Aurora/SC* 3,60 0,00
Pamplona/SC* 3,50 0,00
Tags:
Por:
Sandy Quintans
Fonte:
Notícias Agrícolas

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário