Suíno Vivo: Cotações caem também em Minas Gerais nesta 3ª feira

Publicado em 30/08/2016 18:20
107 exibições

As cotações para o suíno vivo continuaram pressionadas nesta terça-feira (30). Em Minas Gerais, a referência de negócios passou de R$ 4,50/kg para R$ 4,20/kg, seguindo as baixas de outras regiões, como São Paulo e Rio Grande do Sul. Segundo a Asemg (Associação dos Criadores de Suínos do Estado de Minas Gerais), o valor deve valer até a próxima segunda-feira, quando ocorre a próxima reunião da bolsa de suínos.

Nesta semana, o valor de negociação em São Paulo também registrou forte baixa e passou de R$ 85,00 a R$ 87,00/@ para R$ 77 e R$ 78/@ – o mesmo que R$ 4,10 e R$ 4,16/kg. Já no Rio Grande do Sul, as cotações tiveram recuo de R$ 0,16, fechando a referência em R$ 3,90/kg.

Em entrevista ao Notícias Agrícolas, o presidente da ACSURS (Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul), Valdecir Folador, explicou que a demanda enfraquecida foi um dos fatores de baixa para o mercado, que volta a trabalhar abaixo dos custos de produção do estado.

Apesar disto, o Folador aponta que a baixa deve ser pontual, em função do período do mês. Com as dificuldades econômicas do país, suinocultores têm encontrado dificuldade em repassar altas, porém, com o período de recebimento de salários, o mercado pode ter nova recuperação.

» Assista a entrevista com o presidente da ACSURS, Valdecir Folador

Para o analista de mercado, Fabiano Coser,  o aquecimento do mercado nas primeiras semanas do mês está atrelado ao desempenho positivo nas exportações, visto que no mercado interno o cenário é de instabilidade.

“Com a economia brasileira ainda sem maiores sinais de recuperação, as vendas no mercado doméstico continuam em ritmo bastante lento, não segurando a escalada dos preços”, aponta Coser.

Os resultados dos embarques de agosto para carne suína in natura devem ser divulgados na próxima quinta-feira pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC). Já os dados parciais apontam que em 15 dias úteis foram exportados 42,1 mil toneladas, com média diária de 2,8 mil toneladas.

» Acesse as cotações na íntegra para o suíno vivo

Por: Sandy Quintans
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário