Arroz: Indicador atinge maior patamar do ano

Publicado em 11/12/2013 09:18 495 exibições

Os preços do arroz em casca se mantiveram firmes no Rio Grande do Sul por mais uma semana. Este cenário é resultado do aumento das exportações brasileiras nos últimos quatro meses e da retração de produtores. Segundo pesquisadores do Cepea, orizicultores estão na expectativa de que os preços sigam firmes nos próximos meses, fundamentados no período de entressafra – a colheita da nova temporada (2013/14) deve começar em março de 2014. Assim, nas primeiras semanas de dezembro, venderam apenas poucos lotes e concentraram-se na finalização de semeio da safra 2013/14 e/ou no replantio das áreas prejudicadas pelas frequentes chuvas de novembro. Do lado comprador, indústrias consultadas pelo Cepea demonstraram forte interesse de aquisição de arroz em casca, tanto de arroz depositado como “livre” (armazenado nas propriedades agrícolas). As novas compras são direcionadas para atender os contratos de exportação e, também, a demanda do mercado atacadista e varejista dos grandes centros consumidores. Entre 3 e 10 de dezembro, o Indicador ESALQ/Bolsa Brasileira de Mercadorias-BM&FBovespa (Rio Grande do Sul, 58% de grãos inteiros) subiu 0,45%, fechando a R$ 35,65/saca de 50 kg na terça-feira, 10 – o maior patamar de 2013.

Tags:
Fonte:
Cepea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário