Agricultores do PR que apostaram na laranja enfrentam problemas

Publicado em 26/11/2013 07:35 429 exibições

A motosserra destrói em segundos o sonho de muitos anos. Em 2003, por sugestão de técnicos da Emater, o agricultor José Simão deixou de plantar soja e trigo para investir na citricultura no norte do Paraná. Ele plantou mil pés de laranja do tipo navelina e 800 pés da variedade shamouti. A Emater fez a recomendação com base em pesquisas do Iapar e a promessa era ter frutos com qualidade e lucro.

Pelo menos 10 produtores de Cornélio Procópio investiram e tiveram os mesmos problemas.

Leia a íntegra no Globo Rural

Tags:
Fonte:
Globo Rural

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário