Milho abre semana em alta na Bolsa de Chicago com mais previsões de chuvas nos EUA

Publicado em 17/06/2019 09:19 e atualizado em 17/06/2019 12:16
1298 exibições

LOGO nalogo

A semana começa com ganhos nos preços internacionais do milho futuro na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam valorizações entre 7,00 e 8,25 pontos por volta das 09h05 (horário de Brasília).

O vencimento julho/19 era cotado à US$ 4,60, o setembro/19 valia US$ 4,67 e o dezembro/19 era negociado por US$ 4,71 nesta segunda-feira (17).

Segundo análise de Tony Dreibus da Successful Farming, o milho, assim como a soja, saltou no comércio da madrugada de segunda-feira, em meio a previsões de mais chuvas nas regiões produtoras dos Estados Unidos.

As fortes chuvas seguem presentes, uma vez que até seis vezes a quantidade normal de chuva caiu em algumas partes do Meio-Oeste no mês passado, de acordo com o Serviço Nacional de Meteorologia, atrasando o plantio e, em alguns casos, impedindo os agricultores de plantar suas colheitas no solo.

O mercado aguarda ainda a divulgação dos novos números do progresso de plantio americano que deve ocorrer no final da tarde desta segunda-feira. Na última semana, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) apontou que 83% do milho dos EUA tinha semeado a partir da semana passada, atrás da média anterior de cinco anos de 99% para esta época do ano.

“Os produtores tiveram a chance de plantar por alguns dias na semana passada, mas mais chuvas no final da semana passada e previsões de tempestades durante toda esta semana provavelmente irão mantê-los fora dos campos no futuro previsível”, aponta Dreibus.

Confira como fechou o mercado na última sexta-feira:

>> Cotações do milho registram maior patamar dos últimos 5 anos na Bolsa de Chicago

Tags:
Por: Guilherme Dorigatti
Fonte: Notícias Agrícolas

0 comentário