Dólar retoma o maior valor desde maio de 2009 após decepção com PIB

Publicado em 30/11/2012 18:47 498 exibições
O dólar comercial renovou as máximas desde maio de 2009, com o mercado aproveitando a leitura decepcionante do Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre e o impasse a respeito do abismo fiscal americano para acelerar as compras da moeda americana. Diferentemente de uma semana atrás, quando interveio no câmbio após o dólar se aproximar de R$ 2,12, nesta sexta-feira o Banco Central se manteve ausente do mercado, e a moeda fechou acima de R$ 2,13.

A moeda americana subiu 1,62%, a maior alta desde junho, para R$ 2,131, cotação mais elevada desde a do dia 5 de maio de 2009. Na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), o contrato de dólar futuro para dezembro, cujo último dia de negociação foi nesta sexta, subiu 0,40%, a R$ 2,1075. O contrato para janeiro de 2013, que passa a ser referência, teve alta de 1,72%, apontando R$ 2,1470, antes do ajuste final.

Confira a notícia na íntegra no site do Valor Econômico

Fonte:
Valor Econômico

0 comentário