Chicago: Com demanda aquecida, soja encerra semana em alta

Publicado em 24/02/2012 17:17 902 exibições
Nesta sexta-feira, a soja encerrou a semana com leves ganhos na Bolsa de Chicago. O principal suporte segue vindo da aquecida demanda pela oleaginosa norte-americana. 

As perdas provocadas por uma forte seca que castiga o Brasil, a Argentina, o Paraguai, entre outros países da América do Sul, vêm sido confirmadas a cada dia que passa e seguem sustentando os preços. 

Nesta sexta-feira, a Bolsa de Grãos de Rosário voltou a reduzir sua estimativa para a safra de soja da Argentina, dessa vez para 44,5 milhões de toneladas. A safra de milho estimada pela bolsa ficou em menos de 20 milhões de toneladas.

Essa quebra da colheita sulamericana vem estimulando as compras de soja norte-americana. Hoje, o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) divulgou seu relatório de registro de exportações informando que as vendas da safra 11/12, na semana encerrada em 16 de fevereiro, ficaram em 1.159.400 milhão de toneladas e as referente à safra 12/13, no mesmo período, totalizaram 2.873 milhões de toneladas.

Os números refletem essa melhora da demanda, já que ficaram bem acima dos volumes registrados na semana anterior e impulsionaram a alta das cotações. Além disso, a baixa do dólar nesta sexta-feira contribuiu para o avanço do mercado.
Tags:
Por:
Carla Mendes
Fonte:
Notícias Agrícolas

0 comentário