Soja: Mercado busca equilíbrio e fecha estável em Chicago e nos portos do Brasil

Publicado em 28/03/2019 17:14 e atualizado em 28/03/2019 21:39
734 exibições

LOGO nalogo

Os futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago fecharam o pregão desta quinta-feira (28) em campo positivo, marcando leves altas nos principais contratos, de pouco mais de 1 ponto. O vencimento maio terminou o dia com US$ 8,89, enquanto o agosto foi a US$ 9,09. 

O mercado buscou recuperar parte das baixas intensas da sessão anterior, além de buscar um bom posicionamento antes dos novos relatórios que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) que serão reportados nesta sexta-feira, 29 de março. 

Os boletins trarão a atualização dos estoques trimestrais de grãos do país e, ainda mais esperados pelo mercado, os números com as primeiras projeções de área de plantio da safra 2019/20 dos EUA. E esses dados poderiam mexer com o ânimo das cotações, e à espera dessas informações, os traders seguem na defensiva para recebê-las. 

Ainda nesta quinta, o mercado também recebeu a informação de que a China se voltou ao mercado americano via suas estatais comprando 1,5 milhão de toneladas. Há fontes que afirmam que as compras poderiam chegar a até 2 milhões de toneladas. 

Leia mais:

>> Estatais da China compram mais 1,5 milhão de t de soja nos EUA

A notícia teve limitado impacto sobre as cotações, uma vez que o USDA trouxe também seu novo reporte semanal de vendas para exportação com 181,8 mil toneladas de soja da safra atual, 52% menos do que na semana anterior, 85% menos do que a média dos últimos quatro semanas. Além disso, o volume ficou ainda bem abaixo das expectativas do mercado de 500 mil a 1 milhão de toneladas. 

Mercado Nacional

No Brasil, com a estabilidade de Chicago e mais a leve baixa do dólar, os preços se mantiveram estáveis tanto nos portos, quanto na maior parte das praças de comercialização do interior do país. 

No terminal de Rio Grande, a soja disponível fechou com R$ 77,00 por saca, enquanto a referência abril foi a R$ 77,80. Em Paranaguá, R$ 78,00 e R$ 78,50, respectivamente.

Nesta quinta, a moeda americana voltou a recuar, buscando se reequilibrar depois das altas fortes da sessão anterior, e terminou o dia perdendo mais de 1% para terminar o dia com R$ 3,912.

Plantio de soja no país terá aumento menor em 19/20, de 1,7%, diz Agroconsult

SÃO PAULO (Reuters) - A área plantada com soja na safra 2019/20 do Brasil deve atingir 36,6 milhões de hectares, aumento de 1,7 por cento na comparação com o total semeado em 2018/19, previu nesta quinta-feira o sócio-diretor da Agroconsult, André Pessôa, durante evento para apresentar os resultados do Rally da Safra.

Segundo ele, será um crescimento mais modesto em relação às últimas três safras, por causa de margens mais apertadas de produtores.

O aumento de plantio deverá ocorrer com a soja ganhando terras do milho em algumas regiões, acrescentou.

Agroconsult eleva previsão de safra de soja 2018/19 do Brasil a 118 mi t

SÃO PAULO (Reuters) - A safra de soja 2018/19 do Brasil, em fase final de colheita, deve alcançar 118 milhões de toneladas, projetou nesta quinta-feira a Agroconsult, em um aumento ante os 116,4 milhões de toneladas previstos em fevereiro.

A revisão ocorre conforme a consultoria acaba de finalizar a primeira etapa do Rally da Safra, expedição técnica que percorreu as principais regiões produtoras da oleaginosa no Brasil.

 

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

Nenhum comentário