Algodão: Baixa qualidade e mercado lento desvalorizam pluma

Publicado em 19/02/2014 10:08 701 exibições

A comercialização de algodão em pluma está em ritmo lento e os preços, em queda. Compradores alegam que a qualidade da pluma disponível no mercado é baixa e que enfrentam dificuldade no repasse das altas da matéria-prima, ocorridas em janeiro, aos produtos derivados. Cotonicultores, temendo novas quedas nos preços, estão mais flexíveis nas vendas. Entre 11 e 18 de fevereiro, o Indicador CEPEA/ESALQ com pagamento em 8 dias caiu 0,77%, fechando a R$ 2,2720/lp na terça-feira, 18. Na parcial de fevereiro, o Indicador recuou 1,16%. Quanto à safra 2013/14, agentes consultados pelo Cepea estão preocupados com a falta de chuva no oeste da Bahia e em parte de Minas Gerais e, consequentemente, com o desenvolvimento do algodão. Há cotonicultores, inclusive, que já esperam queda na produtividade. Em Mato Grosso, por outro lado, o desenvolvimento da cultura está satisfatório.

Tags:
Fonte:
Cepea

RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS DE DESTAQUE NO SEU E-MAIL CADASTRE-SE NA NOSSA NEWSLETTER

0 comentário