BOI: Com poucos negócios, indústrias aproveitam para pressionar cotações

Publicado em 01/06/2012 17:13 858 exibições
Alex Santos Lopes da Silva
zootecnista
Scot Consultoria

Mercado típico para o dia da semana, com poucos negócios realizados.

As indústrias aproveitam este cenário para pressionar as cotações do boi gordo. Embora em São Paulo as compras em volume aconteçam entre R$92,00/@ e R$93,00/@, à vista, existem ofertas de até R$90,00/@, nas mesmas condições, mas sem negócios consolidados.

As escalas atendem de 4 a 5 dias, em média, mas existem programações de três a nove dias.

O feriado da próxima semana deixou o mercado comprador. A demanda por carne aumenta e as ofertas de boiadas normalmente diminuem. Por outro lado, há um dia a menos de abates, o que alonga artificialmente as escalas.

Há estabilidade em praticamente todas as praças. Houve alterações apenas no Rio de Janeiro.

No Nordeste do país, a seca castiga as pastagens e força o pecuarista a entregar os animais.

No mercado atacadista de carne bovina, o início de mês favorece a venda de carne, o que levou a valorizações para algumas peças.

Clique aqui e confira as cotações do boi.

Fonte:
Scot Consultoria

0 comentário