Soja fecha com forte alta após números do USDA para safra nova dos EUA

Publicado em 12/08/2013 17:09 e atualizado em 12/08/2013 18:01
4066 exibições

O mercado internacional de grãos recebeu com euforia o novo relatório mensal de oferta e demanda do USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) e os futuros da soja negociados na Bolsa de Chicago fecharam a sessão desta segunda-feira (12) com fortes altas nos principais vencimentos. 

A soja encerrou os negócios do pregão regular com ganhos entre 33 e 43 pontos diante de uma redução dos principais indicativos para a nova safra de soja dos Estados Unidos. O departamento norte-americano revisou para baixo produção, produtividade, estoques e os números para área, tanto colhida quanto plantada. 

"Há revisões para os números da safra e muda-se o contexto. Não se inverte o quadro de preços mais acomodados no final do ano, mas muda o patamar de preços, que deve registrar uma melhora", explica o consultor associado da Safras & Mercado, Flávio França. "Esses números foram surpreendentes, principalmente com áreas menores", completa. 

O USDA reduziu suas estimativas de safra de 93,08 milhões para 88,59 milhões de toneladas, os estoques caíram de 8,03 milhões apra 5,99 milhões de toneladas, a área plantada caiu de 31,44 para 31,24 milhões de hectares, e a colhida passou de 31,22 para 30,92 milhões de hectares. 

"É preciso lembrar que esse é o primeiro levantamento da safra 2013 americana e tem mais três relatórios pela frente, isso quer dizer que pode mudar muita coisa ainda, e esses números podem melhorar nos próximos relatórios. Vamos acompanhar o clima, ver as condições e as previsões, que para as próximas duas semanas mostram chuvas, temperaturas amenas, mas algumas regiões com tempo seco", diz França. 

A sessão também foi de fechamento positivo para os mercados do milho e do trigo. O USDA, assim como para a soja, trouxe números menores para os grãos e impulsionou uma alta dos preços na CBOT. Porém, o impacto do boletim foi menor do que o registrado pela soja. 

Na sessão regular desta segunda-feira, o milho subiu mais de 10 pontos nos principais vencimentos. O trigo subiu entre 1,50 e 3,50 pontos nas posições mais negociadas. 

Ao final do dia, o USDA ainda divulgou seu novo relatório de acompanhamento de safra, com números em linha com os divulgados há uma semana, apresentando 64% das lavouras em boas ou excelentes condições. Veja os demais números:

>> USDA traz 64% das lavouras de soja e milho em boas condições

Nos links abaixo, confira os números do USDA detalhados para soja, milho e trigo:

>> USDA reduz produção e estoques de soja e milho dos EUA da safra nova

>> Trigo: USDA reporta aumento na produção mundial da safra nova

Já nos demais links, confira como ficaram as cotações dos grãos no fechamento desta segunda:

>> SOJA

>> MILHO

>> TRIGO

Tags:
Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

1 comentário

  • Renato Sgarbi Dourados - MS

    Da-lhe Liones, esse é o cara, o resto é RESTOLHO

    0